compra compulsiva

Com a Selic em 3%, tanto o Bradesco, quanto o Itaú e o Banco do Brasil diminuíram suas taxas de juros. Entenda como tirar proveito disso. 

compra compulsiva

O Copom, Comitê de Políticas Monetárias, abaixou a taxa básica de juros, a Selic, para 3% ao ano tanto para pessoas físicas (PF) quanto para pessoas jurídicas (PJ), uma queda histórica na economia brasileira.

Essa redução ocorreu no dia 06/05/2020. Com isso, os tradicionais bancos Bradesco, Itaú e Banco do Brasil diminuíram os juros cobrados tanto em empréstimos quanto em financiamentos.  

Juros menores no Itaú

Quem é pessoa física (PF) e está buscando empréstimo pessoal vai ficar feliz ao saber que o Itaú diminuiu os juros cobrados.

Entretanto, no caso de financiamento imobiliário, os juros se manterão iguais. Isso porque, acima de tudo, em abril, essa linha já havia diminuído para 7,3% ao ano + TR (Taxa Referencial). 

Já para quem é pessoa jurídica (PJ), os planos de crédito para capital de giro terão juros mais baixos. Mais importante, o Itaú pede que entre em contato com seu gerente para saber qual a nova taxa para o seu CNPJ. 

Segundo o Itaú “as novas reduções reforçam o compromisso do banco em manter preços competitivos, buscando oferecer sempre a melhor relação custo-benefício para todos os clientes, sem abrir mão do valor agregado em seus serviços e produtos.”

Juros mais baixos no BB e no Bradesco também

Como falamos acima, o Itaú não foi o único a abaixar suas taxas. O Bradesco comunicou que suas principais linhas de crédito terão taxas menores também. Entretanto, não houve especificações sobre quais as linhas que terão suas taxas reduzidas.

Enquanto isso, o Banco do Brasil já falou que tanto as linhas de crédito para pessoa física quanto para pessoa jurídica terão suas taxas diminuídas em 0,75% (o mesmo tanto que a Selic diminuiu). Assim como nos demais bancos, essas novas taxas já estão valendo desde o dia 11/05.

Porém, algumas linhas de crédito, como as de home equity e de crédito estruturado, terão reduções maiores. No caso das linhas de home equity (BB Crédito Imóvel Próprio), a redução será de 0,88% e, a de Crédito Estruturado (com garantias) de 0,83% ao mês. 

Além disso, o Banco do Brasil também diminuiu juros para financiamentos de automóveis novos de 0,60% ao mês para 0,54% ao mês. 

No caso de pessoas jurídicas, todas as linhas de crédito de Desconto de Cheques terão suas taxas reduzidas em 0,06% ao mês. Para se entender melhor, anteriormente pagavam-se 1,21% ao mês, enquanto agora essa taxa será de 1,15% ao mês. Ademais, tanto as ACL quanto as linhas de Desconto de Títulos também vão ser reduzidas para começarem em 0,88% ao mês. 

Está tendo dificuldades em conseguir sua solicitação de empréstimo aceita?

Muitas pessoas não conseguem a aprovação de suas solicitações em linhas de crédito e financiamentos. Isso se dá, principalmente, por duas razões:

  • A pessoa está negativada;
  • Seu score de crédito está baixo.

No caso do negativado, a maior parte dos bancos não aceitam ceder crédito para quem está com dívidas em aberto, pelo menos não pelas linhas normais. Isso quer dizer que alguns bancos (mas não todos) possuem linhas de crédito específicas para quem está negativado.

Aqui você encontra artigos tanto sobre esses planos de empréstimos de bancos quanto instituições financeiras que cedem crédito para aqueles que estão negativados. Se você quiser conhecer planos que aceitam endividados, clique aqui ou no botão abaixo. 

Então, gostou do nosso conteúdo? O que achou da atitude do Banco do Brasil, Itaú e Bradesco?

Nós do UTUA esperamos sempre te ajudar a melhorar sua vida financeira e, para isso, escrevemos conteúdos de valor que te deem conhecimento para agir e gerar resultados. 

Qualquer dúvida sobre o produto ou serviço descrito, o melhor a fazer é entrar em contato diretamente com a empresa que o oferece. 

Obrigado!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*